Galeria
360
Design
Versatilidade
Funcionalidade
Mecanismo 1
Mecanismo 2
Mecanismo 3
Mecanismo 4
Cabeamento
Cabeamento 1
Cabeamento 2
Conectividade
Arquivamento
Acessórios
Dimensões
Cores
Orçamento

Móveis para escritórios colaborativos

5 meses ago  •  By  •  0 Comments

Os espaços de coworking tem se tornado cada vez mais populares, e, junto com eles, os móveis para escritórios colaborativos também se tornaram uma tendência. Isso porque, além de oferecerem mais conforto e praticidade, eles ajudam os profissionais que trabalham no mesmo ambiente a terem um aproveitamento de espaço melhor.

Essas estruturas auxiliam ao trabalho, mas, também, promovem a interação entre os profissionais, o que é essencial em um ambiente compartilhado. Não é à toa que cada mais elas têm se tornado populares entre espaços conjuntos de diferentes portes.

Os móveis para escritórios colaborativos possuem um design moderno, que permite não só que os profissionais trabalhem lado a lado, mas, que também oferece privacidade para cada um, o que é essencial, tendo em vista que muitos precisam de muita concentração em suas tarefas.

Tipos de layouts e móveis para escritórios colaborativos

Atualmente, existem diversas maneiras de se usar móveis para escritórios colaborativos. Elas levam em conta não só as características da empresa, como, também, dos profissionais que estão atuando no espaço compartilhado. Para você ter uma noção das possibilidades, nós separamos cinco dicas de layouts bem bacanas.

  1. Compartilhamento total

Nessa opção, os móveis para escritórios colaborativos são dispostos em um ambiente aberto, que faça uso de iluminação natural. Dessa maneira, é possível aproveitar ao máximo o que o exterior tem a oferecer para o interior e incentivar a interação direta entre profissionais.

Para evitar a bagunça de fios, é possível usar peças que prendam os cabos as partes inferiores das mesas. Assim, todos irão ficas escondidos sobre o tampão do móvel, mas, sempre acessíveis para alguma necessidade eventual.

2. Integrados e Personalizados

A segunda dica de utilização de móveis para escritórios colaborativos é apostar na personalização e integração. Isso quer dizer usar um espaço aberto, mas, divido em nichos. Assim, cada um dos profissionais poderá ter o seu próprio espaço, mas, dentro de um ambiente compartilhado.

Nesse caso, além da ergonomia, também é preciso pensar na praticidade de casa móvel. Tenha sempre em mente que para ter um escritório compartilhado é preciso sempre investir no conforto das pessoas que trabalham nele.

3. Divisão por setores, departamentos ou tarefas

Para organizar o seu escritório compartilhado, mas, mantendo sempre o conceito de integração, uma boa ideia é dispor os móveis para escritórios colaborativos de maneira que eles sirvam como divisões de setores, departamentos e ou tarefas.

Para isso, o ideal é utilizar mesas de frente para outras, ou, ilhas integradas. Dessa maneira, cada equipe terá o seu próprio espaço de trabalho, mas, sem deixar de estar em contato com o restante da empresa, garantindo, assim, a integração total dos colaboradores.

4. Mesas individuais, mas compartilhamento de estantes

Outra dica de utilização de móveis para escritórios colaborativos é o compartilhamento apenas de estantes e prateleiras. Ou seja, cada profissional terá uma mesa individual na qual poderá trabalhar sem a interferência de ninguém, mas, seu espaço de armazenamento será compartilhado.

Essa dica é ideal para empresas que trabalhem como documentos que são utilizados por diferentes setores. Assim, cada departamento poderá acessar o arquivo de maneira prática e rápida, mas, sem a necessidade de um espaço próprio para cada área.

5. Dois ambientes no mesmo local

Que tal unir a área de recepção com a de recreação dos funcionários? Com a utilização de móveis para escritórios colaborativos é possível, sim, unir dois ambientes em um. Para isso, antes de mais nada é preciso pensar em quais espaços você deseja integrar.

O ideal é que você uma aqueles que tem fatores em comum, como, por exemplo, a recepção e a área recreativa dos funcionários, apenas dessa maneira é possível criar um ambiente realmente colaborativo, mas, que não acabe se tornando uma grande bagunça de pessoas.

6. Sustentabilidade em foco

Outra dica para utilizar móveis para escritórios colaborativos é apostar na sustentabilidade. Tenha em mente que esse termo não diz respeito apenas a cuidar do meio ambiente não poluindo, mas, também, tendo atitudes que ajudem a sociedade como um todo.

Por exemplo, os escritórios compartilhados em si já são uma estratégia de sustentabilidade, tendo em vista que eles acabam comportando em um espaço bem menor, todos os departamentos e setores de uma empresa que provavelmente iria ter um prédio inteiro, mas, sem usá-lo de forma adequada.

No caso do mobiliário isso não é diferente. Pequenos detalhes podem fazer com que o espaço se torne bem mais sustentável, como, por exemplo, a utilização de equipamentos em comum, como telefones, luminárias e etc.

Muitas vezes, colegas trabalham lado a lado, e utilizam os mesmos objetos. Ao invés de providenciar uma para cada, é possível integrar as mesas, as colocando de frente uma para a outra, ou, usando ilhas, e, assim, compartilhar esses itens. Apenas esse detalhe já irá gerar muita economia para a empresa, levando em conta que ela não precisará comprar vários itens iguais.

Como escolher móveis para escritórios colaborativos?

Na hora de escolher móveis para escritórios colaborativos, é muito importante que você fique atento a alguns detalhes importantes, como, por exemplo, o tamanho deu seu espaço total. Lembre-se sempre que o compartilhamento de ambientes não deve ser sinônimo de bagunça ou falta de espaço.

O ideal, é providenciais um mobiliário sob medida. Apesar de ter um custo mais alto, o retorno dele é bem maior. Isso porque, é possível aproveitar de maneira mais eficaz o ambiente, fazendo com que os profissionais realmente trabalhem de forma integrada.

Oura dica é em relação as cores. Sempre escolha opções que sejam de acordo não só com o conceito do ambiente, como, também, com a identidade visual da empresa. Se o seu negócio é mais moderno, por exemplo, opte por designs inovadores e com cores mais vibrantes.

Se você tem alguma dúvida sobre quais móveis para escritórios colaborativos são os mais adequados para o seu empreendimento, a dica é falar com um profissional ou empresa especializada. Assim, você irá garantir a melhor escolha para o seu ambiente, levando em conta todas as características do seu negócio.

Fique a vontade para entrar em contato conosco solicitar seu estudo de layout sem custo para seu ambiente corporativo. Será um prazer desenvolver o seu projeto e participar do sucesso da sua empresa.

Entre em contato pelo e-mail: [email protected] ou pelo telefone: (11) 3774-2700.

Até a próxima!