3D Warehouse
Galeria
360
Design
Design 2
Versatilidade
Modularidade
Funcionalidade
Mecanismo
Mecanismo 2
Mecanismo 3
Mecanismo 4
Cabeamento
Cabeamento 1
Cabeamento 2
Conectividade
Arquivamento
Acessórios
Dimensões
Cores
Cores 2
Orçamento

Como sincronizar sua cadeira e estação de trabalho, passo a passo

7 anos ago  •  Comments

por

Publicado em : 07/11/2013

Compartilhe:

A saúde da coluna vertebral é influenciada diretamente pela postura da pessoa. Há pessoas que passam a maior parte do dia sentadas durante o trabalho, por isso, é fundamental ter um mobiliário que proporcione conforto e bem estar. Afinal, um funcionário que trabalha por muito tempo na mesma posição precisa de uma cadeira que propicie uma ergonomia bem aplicada.

Veja como sincronizar a estação de trabalho para transformá-la num ambiente mais confortável:

 1) Escolha com cuidado

A cadeira deve oferecer as condições ergonômicas adequadas para cada pessoa, pois fatores individuais como peso e altura influenciam diretamente no conforto. Antes de tudo, os assentos devem ter a aprovação das normas do departamento de trabalho e contar com diferentes tipos de regulagens.

As cadeiras mais comuns têm algumas dessas características, porém não são as mais indicadas para fazer parte do local de trabalho. As mais recomendadas são as do tipo ergonômica, pois contam com regulagens de altura do pescoço, movimento de inclinação, regulagem da altura do assento, entre outras características que fazem a diferença no dia a dia, principalmente para a saúde.

mobiliario-corporativo-cadeiras-operativas-munique-7-ws

2) Regule o assento com base no apoio dos pés

Para fazer uma regulagem adequada, é essencial que a planta dos pés consiga ser apoiada no chão durante o trabalho fator decisivo para encontrar para a posição que considerar mais confortável. Caso a cadeira não permita que a pessoa apoie os pés no chão, uma das alternativas viáveis é adotar um apoio, que vai ter a finalidade de relaxar a musculatura e melhorar a circulação sanguínea nos membros inferiores.

3) Cheque a altura dos braços e punhos

Durante o trabalho, é a altura da cadeira que irá proporcionar a postura adequada, assim como a posição correta dos braços e punhos. Preferencialmente, as cadeiras não devem ter braços, tendo o apoio nas estações de trabalho. Caso haja apoios, certifique-se de colocá-los numa altura paralela ao mouse e teclado, para evitar pressão nos pulsos e cotovelos.

4) Ajuste o encosto da cadeira

Outro item essencial é o tamanho do encosto da cadeira, que deve ser mediano: quanto maior o tamanho do encosto da cadeira, maior será o relaxamento da musculatura, pois a superfície de apoio para as costas fica mais ampla. Encostos com formas curvas, de revestimento macio e com forração em tecido do tipo rugoso também auxiliam no bem estar do usuário.

5) Cuidado com a distância do monitor

Muitas pessoas trabalham em frente ao computador e além do cuidado com a cadeira, também precisam ter cuidados com a saúde ocular. Para maior conforto da vista, o monitor deve estar situado entre 45 e 70 centímetros de distância dos olhos, num ângulo que não deixe o pescoço tensionado. Outro detalhe importante são as propriedades luminosas da tela: lembre-se de ajustar a luz e o brilho conforme a luz ambiente.

A preocupação deve estar centrada em todo ambiente para garantir que o espaço de trabalho ofereça conforto e bem estar aos usuários. Portanto, na hora de procurar uma estação de trabalho que garanta o bom desempenho dos seus funcionários, lembre-se de priorizar os quesitos ergonômicos.

por

Publicado em : 07/11/2013

Compartilhe: