3D Warehouse
Galeria
360
Design
Design 2
Versatilidade
Modularidade
Funcionalidade
Mecanismo
Mecanismo 2
Mecanismo 3
Mecanismo 4
Cabeamento
Cabeamento 1
Cabeamento 2
Conectividade
Arquivamento
Acessórios
Dimensões
Cores
Cores 2
Orçamento

Evite problemas de saúde com qualidade nos móveis do escritório

7 anos ago  •  Comments

por

Publicado em : 29/10/2013

Compartilhe:

Qualidade nos móveis do escritório, as pessoas passam grande parte do dia desempenhando diferentes funções dentro do escritório. Por isso, a escolha correta dos móveis influencia diretamente na saúde e no bem-estar pessoal. A escolha de um mobiliário inadequado pode trazer prejuízos que se agravam com o tempo e que podem levar à incapacitação profissional, dependendo do tipo de atividade exercida.

Os preceitos ergonômicos não podem ser desconsiderados na hora de planejar e escolher os móveis que irão compor o ambiente, sendo fundamental pensar na boa postura, regulagens das mesas e cadeiras, disposição correta do monitor, do teclado e, além disso, sempre levando em consideração o biotipo de cada pessoa.

Qualidade nos móveis do escritório passa na ergonomia?

mobiliario-corporativo-executivo-ws-1000-quadro-ambientada-4-ws

Uma das principais finalidades da ergonomia é aliar corretamente os sistemas de trabalhos para adequar e atender as habilidades pessoais, para que o profissional desempenhe as suas funções de forma eficiente e confortável no ambiente. A tecnologia está contribuindo muito para que os escritórios, dos corporativos aos mais simples, se adequem para receber os novos tipos de mobiliários.

Móveis errados podem acarretar diversos problemas de saúde, veja como:

  1. Dores musculares;
  2. Dores de cabeça;
  3. Lordose lombar;
  4. Lesão por Esforço Repetitivo (LER);
  5. Transtornos, como rigidez de pescoço e ombros;
  6. Dores e tensões nas mãos e nos dedos;
  7. Pernas cansadas;
  8. Irritabilidade, depressão, estresse e outros problemas que podem provocar insatisfação no trabalho.

Como planejar o layout do escritório

Para fazer a escolha correta dos móveis pensando na ergonomia, primeiramente deve-se medir o espaço disponível para avaliar o tamanho, depois verificar quantas pessoas vão ocupar o ambiente e avaliar o nível hierárquico de cada atividade realizada. Além disso, é importante observar se o local tem a iluminação adequada, se está arejado e circulando ar, ou seja, verificar se ele está confortável para os profissionais.

Depois deve ser determinado o número de móveis, computadores, pontos de internet, energia e telefone, além de estudar se os profissionais vão atender os clientes pessoalmente, para que se possa decidir a quantidade de cadeiras e móveis dispostos na sala.

Cada detalhe deve ser pensado e a preferência pelos produtos devem ser os que tenham certificações, como por exemplo as da Associação Brasileira de Normas e Tecnologia (ABNT), já que são estas especificações técnicas que padronizam o mobiliário do ambiente e ajudam a evitar acidentes e problemas na saúde dos profissionais  garantindo a qualidade nos móveis do escritório.

Quando o espaço e o ambiente de trabalho é projetado pensando na ergonomia assegura-se a segurança, o conforto e a eficiência e desta maneira os profissionais trabalham com mais disposição e vontade.

por

Publicado em : 29/10/2013

Compartilhe: